Compreendendo os Caminhos do Pai

Queridas amigas, vocês já precisaram de muita força e habilidade para lidar com um problema extremamente difícil?
A morte de um ente querido, uma doença grave, um filho rebelde, a perda de um emprego, entre outros, são exemplos de circunstâncias que estão além da nossa capacidade de resolve-los.
Jamais compreenderemos os propósitos que nos levam e permitem o sofrimento, tão pouco entenderemos completamente o poder do amor, restauração, perdão, graça e fé (Ef 3:16-19).
As provações, dificuldades e dores são caminhos que fortalecem e refinam nossa fé no Senhor (Tg 1:2). As provas de Deus não são para testar o nosso conhecimento, nem para verificar o grau do nosso QI, entretanto são processos de aprendizado que nos ajudam a ver claramente do que somos feitas e ensinam sobre nós e sobre Deus.
Nossas atitudes durante esses processos, nos revelará se fomos refinadas como o ouro, assim como Jacó, que preferiu sair mancando do que excluir Deus de sua vida, ou se nos tornamos duras e frias como o aço.
Nem sempre, as provações que Deus permite, nos leva a um caminho amargo, todavia há caminhos onde nunca estivemos antes, em que a pureza do coração, a dependência e obediência serão setas que nos conduzirá à vontade do Pai. Mesmo que esses caminhos sejam incomensuravéis, ou vão muito além de nossas compreensões (Jó 26:12-14).


Com amor